APICCAPSAPICCAPSAPICCAPS
Facebook Portuguese Shoes APICCAPSYoutube Portuguese ShoesAPICCAPS

Indústria defende regresso às aulas e desconfinamento da restauração

Indústria defende regresso às aulas e desconfinamento da restauração

19 Feb, 2021

A Confederação Empresarial de Portugal (CIP) quer que o Governo promova um "desconfinamento inteligente", que envolva o regresso às aulas presenciais e o alívio de restrições na restauração. "Neste momento, o que deveríamos fazer era encontrar formas de um desconfinamento inteligente", disse António Saraiva. O Presidente da CIP falou à comunicação social depois de uma audiência com o presidente da República e defendeu que “até um determinado nível de escolaridade, os alunos possam voltar à escola”. Além disso, António Saraiva defendeu que também se deveria "desconfinar determinas tipologias da restauração através de uma massificação de testes".

O responsavel pela CIP apelou ao prolongamento dos apoios às empresas, sobretudo as "mais fragilizadas", de modo a evitar despedimentos. O “patrão dos patrões” salientou a a necessidade de utilizar os fundos comunitários em instrumentos produtivos e na recapitalização das empresas.

Opinião partilhada por João Vieira Lopes. O presidente da Confederação do Comércio e Serviços de Portugal (CCP) defendeu que as empresas estão "exaustas" e que o confinamento atual causou um "conjunto de problemas graves às empresas, que disse estarem exaustas, exauridas de meios e numa situação muito pior do que há um ano".

O responsável pela CCP acredita que o cenário ideal seria que o desconfinamento ocorresse "o mais cedo possível", cumprindo naturalmente as diretivas de saúde pública.  No que diz respeito aos apoios, João Vieira Lopes defendeu que os apoios do Governo são "insuficientes" e que, muitas vezes, chegam "atrasados".

Partilhar:

The latest ones